PERFIL

Bárbara Lopes / Agência O Globo

Átila Marques Amaral nasceu em Brasília e com carisma, simpatia e talento realiza trabalhos na TV, teatro, cinema, publicidade, shows e espetáculos. Publicitário, empresário, ator, apresentador, repórter, bailarino, professor e coreógrafo, foi através do quadro “Dança dos Famosos” do programa “Domingão do Faustão” que o Átila ficou conhecido pelo grande público. O professor estreou em 2006 ao lado da cantora Preta Gil. E o rigor e a disciplina do professor o levou a outras participações no quadro com as atrizes Elaine Mickely, Paolla Oliveira, Bruna Marquezine e Juliana Paiva, respectivamente, nas edições de 2007, 2009 (ano em que sagrou-se vencedor), 2013 e 2014.

O amadurecimento pessoal do Átila se deu juntamente com seu aperfeiçoamento artístico. Difícil dizer qual se deu primeiro. A dança chamou a atenção do pequeno através do cinema. O garoto assistia fascinado pela TV às evoluções de Fred Astaire e Gene Kelly. A vocação foi percebida pelos pais e, quando a família se mudou de Brasília para o Rio de Janeiro, o futuro profissional do garoto começaria a ser traçado. Pela mão do pai, Átila foi levado, aos 10 anos, para uma audição na Casa de Dança Carlinhos de Jesus. O desempenho rendeu-lhe uma bolsa de estudos.

Arquivo Pessoal

E o menino não levou as aulas na brincadeira. Dominando as técnicas das danças de salão e do sapateado, passa, aos 16 anos, a integrar a Companhia de Dança Carlinhos de Jesus. Sob a batuta de Jesus, Átila viajou o país em turnê com os espetáculos “Pé na estrada” e “Isto é Brasil”. A confiança do mestre no pupilo pode ser medida em duas ocasiões: coube ao Átila representar o Carlinhos em viagens à Mongólia e ao Peru. Simples assim.

Engana-se, no entanto, quem pensa que a vida do Átila era feita apenas de passos e marcações. A dança despertou seu lado de ator. E a disciplina do bailarino foi crucial para levá-lo à Casa de Artes de Laranjeiras (CAL), que o profissionalizou. O jovem não brinca ao se atirar na vida. Sua preocupação com o futuro o faria arranjar tempo ainda para, entre ensaios e aulas, formar-se como comunicador, habilitado em publicidade e propaganda. É aquela história: seguro morreu de velho. E foi no curso de comunicação social onde teve suas primeiras experiências como apresentador e repórter. Foi na faculdade que ele teve seu primeiro programa de rádio e apresentou alguns programas na TV interna da instituição, usando essa experiência no canal “E Com Vocês…”, no Youtube, onde ele entrevista artistas e faz matérias sobre arte, cultura e entretenimento.

E com essa mistura de conhecimento, estudos, carisma e talento, nada mais natural que a vida o levasse às grandes emissoras de TV. A sua primeira experiência no veículo foi no ano 2000, quando dançou com as Paquitas no programa “Xuxa Park”. E, após alguns anos de experiência dançando programas e novelas na TV, o Átila foi convidado para ser assistente de coreografia nas novelas “Caminho das Índias” e “Salve Jorge” e nos programas “Zorra Total” e “Domingão do Faustão”.

Arquivo Pessoal

Pelo visto são muitos artistas num só. E ele ainda encontra tempo para administrar sua empresa, a AIMA Produções, coreografar bailes de debutantes país afora, trabalhar como modelo para famosas marcas e ainda trabalhar como repórter no programa “Cariocou” no SBT Rio. Átila Amaral é assim, digamos, irrequieto, levando o compromisso a sério. E, como dizem os amigos dele: ele não é Bombril mas tem 1001 utilidades.